Lito

Category
Vila do Sino

Lito

Dimensões: 0,60 x 0,80
Técnica: Acrílica sobre tela

Na escola era difícil
esconder sua identidade
porque era Joselito.
No primeiro dia de aula,
a professora, para decorar os nomes,
perguntou a cada um:
‘qual é a sua graça?’
E ele não pestanejou,
inventou logo que era José Lito,
mas que preferia ser chamado de Lito.
Imagina que ia contar
que tinha nome de tira-gosto.
Nunca! Era muito para ele,
mais ainda depois que descobrira
que foram resolvidas, numa noite,
no bar da esquina,
sua história e sua sina:
seria Joselito para o resto da vida!
Ali estavam, com orgulho,
porque lhes nascera um filho varão,
todo poder do patriarcado
bebendo todas com o escrivão.
Não podia dar boa coisa mesmo.
Pediram logo uma pinga,
hesitaram no torresmo
e preferiram pastel.
Nome da massa? “Joselito”
Soava bem…
Pronunciaram a esmo:
“Jo-se-li-to!”
De fato, era melhor que torresmo…
Que sorte que ele deu!
Hoje o menino já grande
sabe o risco que correu,
pois frequenta o mesmo bar
que o nome o destino lhe deu.